domingo, 25 de dezembro de 2016

AOS QUE DESEJAM TRIUNFAR SOBRE O PECADO

“Não veio sobre vós tentação, senão humana;

mas fiel é Deus, que não vos deixará tentar acima do que podeis,

antes com a tentação dará também o escape,

para que a possais suportar.”

(I Coríntios 10:13)


Se você não se ocupa diante de suas debilidades, estas lhe destruirão. As fraquezas ou vulnerabilidades podem lhe aproximar mais de Deus, ou podem lhe deixar cego em relação ao amor de Cristo. Podem ser a cura ou podem ser veneno. Quem decide é você.

José e Sansão enfrentaram tentações parecidas, mas reagiram de maneiras diferentes. Dia após dia, a esposa de Potifar seduzia a José, mas ele a recusou (Gênesis 39.7-9), já Sansão cedeu voluntariamente diante de Dalila. (Juízes 16:15-16)

Sansão foi consagrado a Deus, e o Espírito Santo se movia em sua vida, porém ele escolheu o caminho da intemperança. Por ser muito orgulhoso para reconhecer suas debilidades, viveu negando a alternativa de ver a realidade, o que o levou a uma falta de disciplina e o fez deixar a porta aberta para Satanás. Por tentar justificar sua debilidade, esta cresceu e começou a dominar sua vida. Ao escutar as mentiras do diabo e a voz dos ímpios, mudou a benção do Senhor e negligenciou sua força sobrenatural, em troca de prazer irresponsável. E no final o que obteve? Absolutamente nada, exceto fracasso e destruição!


Se você der a mínima oportunidade ao pecado, ele se infiltrará em sua vida e lhe afetará em tudo, incluindo sua fé, seu trabalho e suas relações familiares. Não há nada que se encontre fora dos seus destruidores limites. Talvez você esteja pensando que não tenha nenhuma debilidade com potencial de destruir a sua vida; então busque verdadeiramente a Deus e veja se isso é um fato, porque Satanás é perito em cegar a realidade espiritual que nos rodeia, dando-nos essa falsa sensação de onipotência.

Você tem a opção de enfrentar a tentação como fez José, ou brincar com o pecado como fez Sansão. É a decisão que tomar diante dessas alternativas que determinará sua vitória ou seu insucesso no confronto com o mal.

Nos momentos de debilidades, não pense duas vezes e nem julgue haver melhor saída. Dependa exclusivamente de Deus, obedeça Sua Palavra e lhe peça forças em oração para vencer. Não menospreze as armadilhas do inimigo e jamais invente desculpas que afastem ainda mais o seu coração de Deus.

Reflita que se diferente tivesse sido a postura de Sansão e se ele tivesse escolhido uma reação diferente diante da tentação, o desfecho de sua história seria outro. Faça como José. Seja sábio e fiel a Deus quando o pecado lhe assediar e ele jamais lhe vencerá!

Pr. Reinaldo Ribeiro 

Um comentário:

  1. Sansão era filho amado do Senhor. Tinha um segredo com o Senhor (grande força e mágoa por ver seu povo fraco e debilitado a tantas ameaças dos infiéis e várias tentativas de estupros que sua mãe sofria). Acredite ou não, não foi bebida ou sair com vagabundas ou aquela puta da Dalila que ele, infelizmente, se apaixonou, que o Senhor se desagradou dele. Infelizmente o safado do Sansão acabou contando à puta que tinha o seu segredo. Por isso o Senhor o largou aos inimigos infiéis, momentaneamente, mas quando se vangloriaram...veio novamente Elohim sobre o safado e virou novamente Sansão e matou bastante deles, ótimo!

    ResponderExcluir

Obrigado por seu comentário. Breve iremos analisá-lo com todo carinho. Que Deus lhe abençoe!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...